Ubiqua | Voltar ao Início

Educar Nestante facilita acesso de jovens sem internet à educação

Educar Nestante facilita acesso de jovens sem internet à educação
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Estudantes sem acesso ou com acesso deficiente à internet não precisam deixar de estudar nesse período de educação remota. Por meio da plataforma Educar Nestante, estudantes podem ter acesso à educação de forma on-line e também off-line.

O Educar Nestante foi criado pelo Instituto Ubíqua e a Brücke Le pont da Suíça a partir de pesquisas com estudantes e professores e contempla o processo de ensino e aprendizagem por meio de uma plataforma simples, dinâmica e acessível até para o (a) estudante que não tem internet em casa. O acesso pode ser pelo computador ou aplicativo, já disponível para o sistema Android e IOS. O uso da plataforma também prevê suporte técnico do Ubíqua e fórum exclusivo para os (as) estudantes.

Para otimizar o acesso aos conteúdos e tornar a aprendizagem mais eficiente, o Educar Nestante segue o Ciclo de Formação Ubíqua, criado pelo Instituto Ubíqua com mentoria de pedagogos. O Ciclo é formado por cinco etapas: aula em vídeo contendo os conceitos básicos do tema que será explorado no módulo; material de apoio didático indicado pelo (a) professor (a); desafio sobre o assunto do módulo, que pode ser perguntas, produção de textos, vídeos e outros recursos que servem tanto para reforçar o que foi aprendido quanto para orientar o (a) professor (a) sobre o desempenho do (a) estudante; devolutiva, resposta do (a) professor (a) ao desafio; e aula presencial ou telepresencial, quando acontece o encontro do (a) professor (a) com os (as) para a construção colaborativa do conhecimento.

O coordenador da Plataforma Educar Nestante, Santiago Borges, destaca que uma das vantagens do aplicativo é a utilização off-line, o que facilita o acesso dos jovens que não têm internet em casa. “Para usar o aplicativo, o (a) estudante necessita ter acesso uma vez por semana à internet para baixar o ciclo. Durante toda semana, ele (a) pode estudar e enviar esse material, mesmo sem acesso à internet”, explica.

A plataforma Educar Nestante já foi usada para cursos como Gestão e Monitoramento de Mídias, Produção de vídeo, postagens e monitoramento das mídias sociais, Repórter Digital, dentre outros.

Para mais informações sobre o Educar Nestante, acesse a página: http://educar.nestante.org.br/

 

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES! Acompanhe artigos, histórias de sucesso e vídeos! Cadastre-se agora mesmo!


 
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Educar Nestante facilita acesso de jovens sem internet à educação

Enviando Comentário Fechar :/